Formação interdisciplinar: efetivando propostas de promoção da saúde no SUS - doi:10.5020/18061230.2007.p252

Jefferson Paixão Cardoso, Alba Benemérita Alves Vilela, Nelba Reis Souza, Carolina Conceição Oliveira Vasconcelos, Giovanna Maria Nascimento Caricchio

Resumo


O presente estudo objetivou discutir, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), a falta de desenvolvimento da proposta da interdisciplinaridade como barreira ao efetivo exercício
de ações e políticas sociais, a partir do conhecimento, da reflexão e busca de soluções para as demandas sociais existentes. Para tanto, o conceito de interdisciplinaridade é pautado na dimensão conceitual, enfatizado como aliado à formação e consolidação dentro de uma estrutura complexa às premissas de promoção da saúde. Visto também, o importante papel que a universidade possui na consolidação do SUS, mas não efetiva por razões diversas. Contudo, as prática e ações que envolvam a interdisciplinaridade precisam ser estimuladas e experenciadas, vivenciadas nas diferentes etapas da vida, como ponto importante para que possam se refletir em um sistema de saúde idealizado, praticável e resolutivo.

Palavras-chave


Promoção da saúde; Interdisciplinaridade; Educação; Equipe de assistência ao paciente

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/1035

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia