Operacionalização do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN) no município de Balneário Piçarras: relato de experiência

Éllen Luzia Soares, Tatiana Mezadri, Petiane Nunes

Resumo


Objetivo: Relatar a experiência de capacitação dos profissionais das equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF) da cidade de Balneário Piçarras/SC como estratégia para operacionalizar o SISVAN. Síntese dos dados: Participaram do estudo 67 profissionais das sete equipes de ESF do município, no período de abril a setembro de 2016. Foram realizados dois encontros, um para identificação das dificuldades de implementação do sistema (em que se encontraram os seguintes obstáculos: a multiplicidade de atividades falta de formulários impressos e balanças antropométricas em más condições de uso) e início da capacitação (abordando a importância do SISVAN); e outro para orientar quanto à completude dos formulários e a digitação dos dados no programa. Conclusão: Ao final, observou-se o interesse dos profissionais em tornar o SISVAN ativo. Ainda foi relatada pelos participantes a importância da inserção do profissional de nutrição nas equipes de ESF, colaborando nas atividades referentes à educação alimentar e nutricional, bem como nas orientações e intervenções necessárias à situação alimentar e nutricional da população. Finalizada a capacitação, constatou-se, por meio do sistema, o registro de dados do SISVAN mais eficiente por algumas equipes.

Palavras-chave


Vigilância Nutricional; Capacitação em Serviço; Atenção Primária à Saúde; Estratégia Saúde da Família.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Orientações para a coleta e análise de dados antropométricos em serviços de saúde: Norma Técnica do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional – SISVAN. Brasília: Ministério da Saúde; 2011.

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Política nacional de alimentação e nutrição. Brasília: Ministério da Saúde; 2012.

Pimentel VRM, Sousa MF, Hamann EM, Mendonça AVM. Alimentação e nutrição na Estratégia Saúde da Família em cinco municípios brasileiros. Ciênc Saúde Coletiva. 2014;19(1):49-57.

Pereira SMPD, Brito LMH, Palácio MAV, Monteiro MPA. Operacionalização do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional em Juazeiro do Norte, Ceará. Rev Baiana Saúde Pública. 2012;36(2):577-86.

Rolim MD, Lima SML, Barros DC, Andrade CLT. Avaliação do SISVAN na gestão de ações de alimentação e nutrição em Minas Gerais, Brasil. Ciênc Saúde Coletiva. 2015;20(8):2359-69.

Alves ICR, Souza TF, Pinho L. Operacionalização do sistema de vigilância alimentar e nutricional: relato de experiência. Rev APS. 2015;18(3):398-402.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. Cidades: Balneário Piçarras [acesso em 2016 Nov 9]. 2016. Disponível em: http://www.cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?lang=&codmun=4212809

Sautter L. Trabalho de nutrição em saúde pública. 2014. 1 vídeo. Online [acesso em 2016 Abr 1]. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=AE__AEdvxB4

Salas E, Diaz Granados D, Weaver SJ, King H. Does team training work? Principles for health care. Acad Emerg Med.2008;15(11):1002-9.

Bagni UV, Barros DC. Capacitação em antropometria como base para o fortalecimento do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional no Brasil. Rev Nutr. 2012;25(3):393-402.

Ferreira CS, Cherchiglia ML, César CC. O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional como instrumento de monitoramento da Estratégia Nacional para Alimentação Complementar Saudável. Rev Bras Saúde Matern Infant. 2013;13(2):167-77.

Jung NM, Bairros FS, Neutzling MB. Utilização e cobertura do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Ciênc Saúde Coletiva. 2014;19(5):1379-88.

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Marco de referência da vigilância alimentar e nutricional na atenção básica. Brasília: Ministério da Saúde; 2015.

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Manual de orientações sobre o Bolsa Família na Saúde. Brasília: Ministério da Saúde; 2010.

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Protocolos do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional – SISVAN na assistência à saúde. Brasília: Ministério da Saúde; 2008.

Costa SM, Araújo FF, Martins LV, Nobre LLR, Araújo FM, Rodrigues CAQ. Agente Comunitário de Saúde: elemento nuclear das ações em saúde. Ciênc Saúde Coletiva. 2013;18(7):2147-56.

Sena JN, Pereira MS, Rodrigues, RB. Reflexões sobre saúde, nutrição e Estratégia Saúde da Família no contexto de integralidade do Sistema Único de Saúde (SUS). Rev Rede Cuidados Saúde. 2015;9(3):1-25.




DOI: http://dx.doi.org/10.5020/18061230.2017.p283

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia