Lian gong em 18 terapias como estratégia de promoção da saúde

Raquel Randow, Nayara Carolina Mendes, Luzia Toyoko Hanashiro Silva, Mery Natali Silva Abreu, Kátia Ferreira Costa Campos, Vanessa de Almeida Guerra

Resumo


Objetivo: Identificar os principais benefícios alcançados pelos praticantes de lian gong em 18 terapias, que está vinculado à atenção primária como uma estratégia de promoção da Saúde. Métodos: Trata-se de um estudo transversal realizado no município de Belo Horizonte, com aplicação de 1.091 questionários com os praticantes de lian gong no ano de 2014. Estudaram-se variáveis socioeconômicas relacionadas à dor, uso de medicação e necessidade de serviços de saúde. Os dados foram analisados por meio de análise descritiva e testes de homogeneidade marginal e qui-quadrado de Pearson, considerando-se nível de significância de 5%. Resultados: O perfil predominante dos praticantes são mulheres (89,5%; n= 977), com mais de 60 anos (61,90%; n = 678), indicadas para o lian gong por profissionais da saúde (66,50%; n = 935) e que realizam a prática com uma frequência de 2 vezes por semana (68,31%; n=735) e há mais de 7 meses (75,87%; n=792). Os principais benefícios relacionados a essa pratica foram a redução no quadro de dor, no uso de medicamento (49,6%; n=297) e a diminuição da demanda por serviços da Atenção Primária à Saúde (78,5%; n=715). Conclusão: A prática do lian gong como estratégia de promoção da saúde, inserida no ambiente da Atenção Primária à Saúde, promove benefícios para os praticantes, como a redução das dores no corpo, a desmedicalização e a redução da demanda por serviços de saúde.

Palavras-chave


Promoção da Saúde; Medicina Tradicional Chinesa; Terapias Complementares; Atenção Primária à Saúde.



DOI: http://dx.doi.org/10.5020/18061230.2017.6365

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia