Aprendizagem organizacional e teoria neoinstitucional à luz da escola comportamental de negócios internacionais

Jefferson Marlon Monticelli, Silvio Luís de Vasconcellos, Ivan Lapuente Garrido, Cyntia Villasboas Calixto

Resumo


Este estudo tem por objetivo apresentar as características da aprendizagem organizacional e da teoria neoinstitucional aplicadas à abordagem comportamental de negócios internacionais. Assim, este estudo visa contribuir ao integrar, de maneira singular, o papel das instituições na internacionalização das empresas sob a perspectiva comportamental. Para tanto, buscou-se desenvolver os principais conceitos que abordam os modelos de negócios internacionais sob tal perspectiva e que enfatizam o papel do aprendizado e do conhecimento para o êxito da internacionalização da firma. O estudo complementou essa visão ao acrescentar os trabalhos que utilizam o enfoque institucional no modelo de Uppsala, propiciando uma contribuição na revisão da perspectiva comportamental ao integrá-la aos conceitos de aprendizagem organizacional e de contexto institucional.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2318-0722.23.2.308-321

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia