A Contribuição da gestão ambiental para o desenvolvimento e competitividade do apl téxtil de São Bento - PB

Maria de Fátima Martins, Ana Cecília Feitosa de Vasconcelos, Gesinaldo Ataíde Cândido

Resumo


Os aglomerados constituem uma forma de configuração organizacional formado por diversas empresas em um mesmo território em torno de uma atividade econômica principal. Esta nova forma de atuação empresarial tem sido denominado como Arranjos Produtivos Locais (APLs), no qual são encontradas novas formas de atuação que propiciam condições locais adequadas para a exploração de eterminada atividade econômica, resultando em diversas vantagens competitivas. A partir da preocupação com as ameaças ao equilíbrio ambiental que a concentração de um significativo número de empresas em uma mesma área geográfica
pode ocasionar, através da utilização intensiva dos recursos naturais locais e da degradação do meio ambiente, o presente artigo tem como objetivo identificar as práticas de gestão ambiental adotadas pelos empresários do APL têxtil de São Bento – PB, enfatizando as influências dessas práticas na competitividade das empresas. A metodologia utilizada consistiu numa pesquisa exploratória e descritiva, conduzida sob a forma de estudo de caso. Para tanto, foram utilizadas
as seguintes técnicas: pesquisa bibliográfica e pesquisa documental; pesquisa de campo junto às empresas que formam o APL Têxtil de São Bento e observação não-participante através de visitas técnicas às empresas. Os resultados evidenciaram que o APL é competitivo por apresentar significativo desenvolvimento da atividade econômica principal - produção

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2318-0722.15.1.%25p

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia