Percepção dos colaboradores da equipe de enfermagem quanto ao estilo de liderança de seu superior imediato

Andressa Schaurich dos Santos, Vânia Medianeira Flores Costa, Gean Carlos Tomazzoni, Laércio André Gassen Balsan, Stefania Tonin

Resumo


Este estudo tem como objetivo verificar a percepção dos colaboradores da equipe de Enfermagem quanto ao estilo de liderança de seu superior imediato e comparar a forma como esses se desenvolvem em instituições hospitalares públicas e privadas. Para tanto, realizou-se uma pesquisa descritiva de caráter quantitativo. A população do estudo foi composta por enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem. Para a análise dos dados utilizou-se o cálculo de estatísticas descritivas (tabelas de frequências, medidas de tendência central, medidas de dispersão e padronização das médias dos construtos). Os resultados indicaram que os gestores, tanto nos hospitais públicos quanto nos privados, apresentam um nível alto para a liderança transformacional e mediano para a liderança transacional. Entretanto, apesar de haver um predomínio do estilo transformacional, em geral, a atuação do superior como líder se destaca quando existem problemas a serem resolvidos. Além disso, os resultados verificados nesta pesquisa demonstram ser possível a coexistência dos estilos de liderança transacional e transformacional, os quais, não são abordagens opostas, mas contribuem uma com a outra para o bom desempenho organizacional.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia