LIDERANÇA E REAÇÕES INDIVIDUAIS À MUDANÇA ORGANIZACIONAL

Renata Veloso Santos Policarpo, Renata Simoes Guimaraes e Borges, Lívia Almada

Resumo


Esta pesquisa caracterizada no campo do comportamento organizacional objetiva analisar a influência do comportamento do líder na intenção dos servidores de resistir ou cooperar com o processo de criação e estruturação do modelo de gestão do Instituto Federal de Minas Gerais – IFMG que foi alvo de uma reestruturação na Rede de Educação Profissional e Tecnológica no país. Por meio da aplicação de questionário e realização de entrevistas foi possível coletar os dados dos servidores que participaram do processo de mudança. Os resultados demonstram que o desempenho da liderança cujas dimensões são o esforço extra, a eficácia e a satisfação influenciam positivamente a cooperação e aceitação individual à mudança, mas os estilos de liderança não influenciam nesse processo. Dessa forma, conclui-se que o processo de mudança foi aceito com neutralidade pelos servidores envolvidos e que o foco de desenvolvimento gerencial deve ser o desempenho da liderança.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia