A Construção do Sujeito na Perspectiva de Jean-Paul Sartre

Cezar Augusto Vieira Junior, Hector Omar Ardans-Bonifacino, Adriane Roso

Resumo


Este ensaio tem o objetivo de elucidar como se dá o processo de construção do sujeito, a partir da abordagem existencialista de Jean-Paul Sartre, de forma a contribuir para uma aproximação entre o existencialismo sartriano e a psicologia. Na busca de alcançar esse objetivo, realizamos um estudo utilizando as principais obras do pensador francês, bem como de outros autores que estudam o existencialismo. Nesse sentido, desenvolvemos este ensaio em três partes, as quais perfazem uma trajetória sobre o pensamento do autor, buscando destacar conceitos importantes para a compreensão de suas ideias. A primeira delas aborda pontos mais básicos do pensamento sartriano, como a consciência e os aspectos do ser. Em seguida, delineamos temas fundamentais de sua filosofia, tais como liberdade, campo dos possíveis e má-fé. Por fim, concentramos a discussão nas relações e processos que culminam na construção do sujeito. Com este percurso, visamos evidenciar as importantes contribuições que o pensamento existencialista sartriano pode oferecer ao campo de atuação da psicologia.

Palavras-chave


psicologia social, existencialismo, Sartre, sujeito, liberdade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/23590777.16.1.119-130

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Subjetividades, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2359-0777

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia