Obesidade, cirurgia bariátrica e implicações nutricionais - doi:10.5020/18061230.2007.p259

Michele Novaes Ravelli, Vânia AparecidaLeandro Merhi, Daniela Vicinanza Mônaco, Nilton Aranha

Resumo


A obesidade é um desvio nutricional importante que está aumentando exponencialmente no Brasil e no mundo, tornando-se um problema de saúde púbica. A Organização Mundial da Saúde verificou em 2005 que 1,6 bilhões de pessoas acima de 15 anos estavam com sobrepeso e 400 milhões estavam obesas, entre as crianças, 20 milhões encontravam-se acima do peso. Dentre os diversos tratamentos para a obesidade, a cirurgia bariátrica tem
sido muito utilizada por ser eficaz contra o excesso de peso e as co-morbidades associadas, tanto para a população adulta quanto para a juvenil. As técnicas cirúrgicas são divididas em
restritivas, disabsortivas e mistas. Cada técnica promove alterações digestivas e absortivas características, necessitando de um programa educativo multidisciplinar exclusivo e
direcionado tanto no pré quanto no pós-operatório, enfatizando os hábitos de atividade física e a necessidade de aderir às restritas recomendações dietéticas. As cirurgias promovem uma
diminuição severa no consumo, o que acarreta a ingestão de dietas hipocalóricas e deficientes em micronutrientes, com conseqüentes complicações nutricionais.

Palavras-chave


Obesidade mórbida; Cirurgia bariátrica; Planejamento alimentar

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/1036

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia