Relação da qualidade de vida com dados sociodemográficos e nutricionais de gestantes e puérperas

Liliane Maria Schumacher, Mariane Schmitt, Patrícia Fassina, Fernanda Scherer Adami

Resumo


Objetivo: Investigar a percepção da qualidade de vida de gestantes e puérperas e sua relação com dados sociodemográficos e nutricionais. Métodos: Estudo descritivo e transversal, de abordagem quantitativa, realizado em uma Estratégia de Saúde da Família do município de Lajeado, Rio Grande do Sul, no período de junho a setembro de 2019, com 57 gestantes e puérperas, submetidas a um questionário estruturado contendo dados sociodemográficos e clínicos e ao questionário WHOQOL-BREF. Avaliou-se o estado nutricional pré-gestacional e o ganho de peso para a idade gestacional, sendo os resultados considerados significativos a um nível de significância de 5% (p≤0,05). Resultados: 41 gestantes e puérperas consideraram sua qualidade de vida “boa” (72%), 43 estavam “satisfeitas” ou “muito satisfeitas” com a sua saúde (75,4%) e 32 apresentavam-se eutróficas (56,1%). Verificou-se correlação inversa da avaliação da qualidade de vida com a idade (p≤0,01) e o índice de massa corporal pré-gestacional esteve inversamente relacionado com a satisfação com a saúde (p≤0,01) das gestantes e puérperas. As mulheres eutróficas apresentaram-se significativamente associadas à percepção de “muito satisfeita” em relação a sua saúde e aquelas com sobrepeso, à percepção de “insatisfeita” com a sua saúde (p≤0,01). Conclusão: A avaliação da percepção da qualidade de vida associou-se inversamente à idade, assim como a percepção da satisfação com a saúde associou-se inversamente ao índice de massa corporal pré gestacional das gestantes e puérperas investigadas.

Palavras-chave


Qualidade de Vida; Gravidez; Período Pós-Parto

Texto completo:

PDF/A PDF (English)

Referências


Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Atenção ao pré-natal de baixo risco [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2012 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/cadernos_atencao_basica_32_prenatal.pdf

Rodrigues ARM, Dantas SLC, Pereira AMM, Silveira MAM, Rodrigues DP. Gravidez de alto risco: análise dos determinantes de saúde. Sanare [Internet]. 2017 [acesso em 2020 Abr 20];16(Supl 01):23-8. Disponível em: https://sanare.emnuvens.com.br/sanare/article/view/1135/620

Oliveira SX, Oliveira MB, Silva RAR, Davim RMB. Características dos domínios de qualidade de vida em gestantes da Estratégia de Saúde da Família. Rev Enferm UFPE [Internet]. 2013 [acesso em 2020 Abr 20];7(esp):7007-16. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/download/12370/15115#:~:text=O%20dom%C3%ADnio%20f%C3%ADsico%20mostra%20a,o%20trabalho%2C%20segundo%20a%20Fig

Chiarello V, Dias RG. Qualidade de vida do puerpério: possíveis relações com a prática de exercício físico na gestação. Corpo Ciênc Artes [Internet]. 2016 [acesso em 2020 Abr 20];6(1):24-38. Disponível em: http://www.ucs.br/etc/revistas/index.php/docorpo/article/viewFile/5357/2924

Corrêa MSM, Feliciano KVO, Pedrosa EM, Souza AI. Acolhimento no cuidado à saúde da mulher no puerpério. Cad Saúde Pública [Internet]. 2017 [acesso em 2020 Abr 20];33(3):e00136215. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-311X2017000305011&script=sci_abstract&tlng=pt

Silva EC, Pereira ES, Santos WN, Silva RAR, Lopes NC, Figueiredo TAM, et al. Puerpério e assistência de enfermagem: percepção das mulheres. Rev Enferm UFPE [Internet]. 2017 [acesso em 2020 Abr 20];11(Supl.7):2826-33. Disponível em: https://pdfs.semanticscholar.org/3b21/39c49a604fcaea1d4a57502be49aefd27abd.pdf

Cavalcante RMF, Pontes KV, Bandeira AA, Rocha AL. Qualidade de vida e qualidade de vida no trabalho: uma revisão bibliográfica. Id on Line Rev Mult Psic [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Abr 20];12(40):21-31. Disponível em: https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/view/882/1496

Rôla CVS, Silva SPC, Nicola PA. Instrumentos de avaliação da qualidade de vida de pessoas jovens e idosas: um estudo de revisão sistemática. Id on Line Rev Mult Psic [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Abr 20];12(42):111-20. Disponível em: https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/view/1300/1892

The Whoqol Group. The World Health Organization quality of life assessment (WHOQOL): position paper from the World Health Organization. Soc Sci Med [Internet]. 1995 [acesso em 2020 Abr 20];41(10):1403-9. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/027795369500112K?via%3Dihub

Alcântara LAMB, Souza MAN, Almeida RJ. Aspectos da qualidade de vida de pessoas com lesão medular no Brasil: uma revisão integrativa. Saúde e Pesqui [Internet]. 2015 [acesso em 2020 Abr 20];8(3):569-75. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/289495750_Aspectos_da_Qualidade_de_Vida_de_Pessoas_com_Lesao_Medular_no_Brasil_Uma_Revisao_Integrativa

Meneguin S, Xavier CL, Santana DG. Qualidade de vida de cardiopatas durante a gestação e após o parto. Acta Paul Enferm [Internet]. 2016 [acesso em 2020 Abr 20];29(2):232-38. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-21002016000200232&script=sci_abstract&tlng=pt

Dias MAS, Oliveira IP, Silva LMS, Vasconcelos MIO, Machado MFAS, Forte FDS, et al. Política Nacional de Promoção da Saúde: um estudo de avaliabilidade em uma região de saúde no Brasil. Ciênc Saúde Colet [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Abr 20];23(1):103-14. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-81232018000100103&script=sci_abstract&tlng=pt

Malta DC, Morais NOL, Silva MMA, Rocha D, Castro AM, Reis AAC, et al. Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS): capítulos de uma caminhada ainda em construção. Ciênc Saúde Colet [Internet]. 2016 [acesso em 2020 Abr 20];21(6):1683-94. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-81232016000601683&script=sci_abstract&tlng=pt

Zanatta E, Pereira CRR, Alves AP. A experiência da maternidade pela primeira vez: as mudanças vivenciadas no tornar-se mãe. Pesqui Prát Psicossociais [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Abr 20];13(1):1-16. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-89082018000100005

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. História do município de Lajeado/RS [Internet]. 2017 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/rs/lajeado/panorama

World Health Organization. Physical status: the use and interpretation of anthropometry [Internet]. 1995 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/37003/WHO_TRS_854.pdf;jsessionid=C2836FE4982D3E61EBC5EB32945655D0?sequence=1

World Health Organization. WHO child growth standards: lenght/height-for-age, weight-for-age, weight-for-length, weight-for-height and body mass index-for-age: methods and development [Internet]. 2006 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: https://www.who.int/childgrowth/standards/Technical_report.pdf?ua=1

Institute of Medicine (US), National Research Council (US), Committee to Reexamine IOM Pregnancy Weight Guidelines. Weight gain during pregnancy: reexamining the guidelines [Internet]. 2009 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/20669500

Cunha LR, Pretto ADB, Bampi SR, Silva JMGC, Moreira AN. Avaliação do estado nutricional e do ganho de peso de gestantes atendidas em uma unidade básica de saúde de Pelotas-RS. Rev Bras Obes Nutr Emagrecimento [Internet]. 2016 [acesso em 2020 Abr 20];10(57):123-32. Disponível em: http://www.rbone.com.br/index.php/rbone/article/view/424

Demarchi AP, Freitas E, Baratto I. avaliação nutricional e laboratorial em um grupo de gestantes no Município de Pato Branco-PR. Rev Bras Obes Nutr Emagrecimento [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Abr 20];12(72):466-78. Disponível em: http://www.rbone.com.br/index.php/rbone/article/view/726

Rufino MPR, Prado LS, Dias LT, Sousa JO, Frota MCQA, Carneiro JKR, et al. Avaliação do estado nutricional e do ganho de peso das gestantes atendidas em um Centro de Saúde da Família do interior norte do estado do Ceará/Brasil. Rev Interdisciplin [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Abr 20];11(4):11-20. Disponível em: https://revistainterdisciplinar.uninovafapi.edu.br/index.php/revinter/article/view/1424/pdf_389

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Análise em Saúde e Vigilância de Doenças não Transmissíveis. Vigitel Brasil 2018: vigilância de fatores de risco e proteção para doenças crônicas por inquérito telefônico: estimativas sobre frequência e distribuição sociodemográfica de fatores de risco e proteção para doenças crônicas nas capitais dos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal em 2018 [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2019 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2019/julho/25/vigitel-brasil-2018.pdf

Alves KPS, Oliveira LML, Pedersoli AGA, Lemke GMMN. Estado nutricional e condições socioeconômicas em uma Unidade de Saúde da Família. Rev Saber Cient [Internet]. 2016 [acesso em 2020 Abr 20];5(1):61-8. Disponível em: http://revista.saolucas.edu.br/index.php/resc/article/view/587/pdf

Magalhães EIS, Maia DS, Bonfim CFA, Pereira M Netto MP, Lamounier JÁ, Rocha DS. Prevalência e fatores associados ao ganho de peso gestacional excessivo em unidades de saúde do sudoeste da Bahia. Rev Bras Epidemiol [Internet]. 2015 [acesso em 2020 Abr 20];18(4):858-69. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo. php?script=sci_abstractπd=S1415-790X2015000400858&lng=en&nrm=iso&tlng=pt 25

Campos CAS, Malta MB, Neves PAR, Lourenço BH, Castro MC, Cardoso MA. Ganho de peso gestacional, estado nutricional e pressão arterial de gestantes. Rev Saúde Pública [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Abr 20];53:57. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-89102019000100248&script=sci_arttext&tlng=pt

Associação Brasileira para o Estudo da obesidade e da Síndrome Metabólica. Diretrizes brasileiras de obesidade [Internet]. 4ª ed. São Paulo: ABESO; 2016 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: https://abeso.org.br/wp-content/uploads/2019/12/Diretrizes-Download-Diretrizes-Brasileiras-de-Obesidade-2016.pdf

Abreu K, Brandão A, Torres M. Qualidade de vida de gestantes acompanhadas na atenção primária à saúde. Saúde Redes [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Abr 20];5(1):59-73. Disponível em: http://revista.redeunida.org.br/ojs/index.php/rede-unida/article/view/1697/PDF

Dantas RR, Silva GAP. O papel do ambiente obesogênico e dos estilos de vida parentais no comportamento alimentar infantil. Rev Paul Pediatr [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Abr 20];37(3):363-71. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-05822019005009101&script=sci_arttext&tlng=pt

Silva MJS, Schraiber LB, Mota A. O conceito de saúde na saúde coletiva: contribuições a partir da crítica social e histórica da produção científica. Physis [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Abr 20];29(1):e290102. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73312019000100600&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Oliveira MAM, Sousa WPS, Pimentel JDO, Santos KSL, Azevedo GD, Maia EMC. Gestantes tardias de baixa renda: dados sociodemográficos, gestacionais e bem-estar subjetivo. Psicol Teor Prát [Internet]. 2014 [acesso em 2020 Abr 20];16(3):69-82. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-36872014000300006

Lasta KC, Silva LG, Ferrari HR, Costa JLD, Dias CP, Tiggemann CL. Qualidade de vida de mulheres com diferentes faixas etárias de um programa de promoção à saúde. Rev Destaques Acad [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Abr 20];10(3)36-45. Disponível em: http://www.univates.br/revistas/index.php/destaques/article/view/1738/1392

Andrade RL, Fernandes ACM, Dias JRP, Laurindo BM, Vieira RC. Avaliação da qualidade de vida de mulheres climatéricas atendidas em ambulatório. Braz J Hea Rev [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Abr 20];2(1):66-90. Disponível em: http://www.brjd.com.br/index.php/BJHR/article/view/847/727

Pedrosa NS, Cortês DB, Fernandes KC, Araújo MFS, Rocha APR, Carmo EM. Percepção da qualidade de vida no puerpério imediato. Colloquium Vitae [Internet]. 2013 [acesso em 2020 Abr 20];5(especial):209-15. Disponível em: https://pdfs.semanticscholar.org/cbc0/c453f7369e942cd4f888a64d2dc12f5a83eb.pdf

Castro GG, Ferreira FFG, Camargos AS, Leite MAFJ, Mattos JGS. Diferenças da qualidade de vida entre mulheres com alto e habitual risco gestacional. Aletheia [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Abr 20];52(1):102-15. Disponível em: http://www.periodicos.ulbra.br/index.php/aletheia/article/view/5292

Santos AB, Santos KEP, Monteiro GTR, Prado PR, Amaral TLM. Autoestima e qualidade de vida de uma séria de gestantes atendidas em uma Rede Pública de Saúde. Cogitare Enferm [Internet]. 2015 [acesso em 2020 Abr 20];20(2):392-400. Disponível em: https://revistas.ufpr.br/cogitare/article/view/38166/25540

Castro DFA, Fracolli LA. Qualidade de vida e promoção da saúde: em foco as gestantes. Mundo Saúde [Internet]. 2013 [acesso em 2020 Abr 20];37(2):159-65. Disponível em: http://www.saocamilo-sp.br/pdf/mundo_saude/102/4.pdf

Lima ACN, Oliveira FB, Avolio GP, Silva GD, Silva PS, Vale RGS. Prevalence of low back pain and interference with quality of life of pregnant women. Rev Dor [Internet]. 2017 [acesso em 2020 Abr 20];18(2):119-23. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-00132017000200119

Afonso A, Quitério D, Sousa F, Sousa L, Silva R, Henriques CMG, et al. A influência dos factores demográficos, sociais, económicos, e obstétricos na qualidade de vida da grávida. Inter J Develop Educ Psychol [Internet]. 2011 [acesso em 2020 Abr 20];4(1):39-44. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=5575447

Beleza ACS, Ferreira CHJ, Sousa L, Nakano AMS. Mensuração e caracterização da dor após episiotomia e sua relação com a limitação de atividades. Rev Bras Enferm [Internet]. 2012 [acesso em 2020 Abr 20];65(2):264-8. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-71672012000200010&script=sci_abstract&tlng=pt

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Vigilância em Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde. Política Nacional de Promoção da Saúde: PNPS: anexo I da Portaria de Consolidação nº 2, de 28 de setembro de 2017, que consolida as normas sobre as políticas nacionais de saúde do SUS [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2018 [acesso em 2020 Abr 20]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_promocao_saude.pdf




DOI: https://doi.org/10.5020/18061230.2020.10571

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia