“Só sei que é uma doença”: conhecimento de gestantes sobre sífilis

Natália da Silva Gomes, Lisie Alende Prates, Laís Antunes Wilhelm, Jussara Mendes Lipinski, Kelly Dayane Stochero Velozo, Carolina Heleonora Pilger, Rhayanna de Vargas Perez

Resumo


Objetivo: Analisar o conhecimento de mulheres que realizaram consultas de pré-natal em relação à sífilis e as orientações recebidas acerca da prevenção de sífilis gestacional. Métodos: Pesquisa qualitativa e descritiva, desenvolvida com oito gestantes, em uma unidade de Atenção Primária à Saúde (APS), de um município de Fronteira Oeste, Rio Grande do Sul, Brasil, por meio da técnica de entrevista semiestruturada, no período de setembro a outubro de 2019. Os achados foram interpretados por meio da análise temática, emergindo duas categorias temáticas: Conhecimento sobre a sífilis e Orientações sobre a prevenção da sífilis na gestação. Resultados: As gestantes investigadas demonstraram conhecimento restrito sobre sífilis e sífilis gestacional. Relataram que as orientações no pré-natal são superficiais. Disseram que a transmissão da sífilis ocorre por via sexual e demonstraram surpresa quanto às complicações da doença para o bebê, evidenciando o desconhecimento sobre a sífilis congênita. Citaram o preservativo como método de prevenção, porém relataram não utilizar quando o parceiro é fixo. Demonstraram conhecimento restrito sobre a interpretação dos testes rápidos, não mencionando a realização do exame não treponêmico como método diagnóstico e confirmatório da doença. Conclusão: A lacuna identificada pelo conhecimento limitado das gestantes investigadas sobre a sífilis e a prevenção da sífilis gestacional pode ser suprida por meio da realização de atividades de educação em saúde, tendo o enfermeiro como agente promotor.

Palavras-chave


Saúde da Mulher; Sífilis; Sorodiagnóstico da Sífilis; Gestantes; Gravidez; Enfermagem

Texto completo:

PDF/A

Referências


Dantas LA, Jerônimo SHNM, Teixeira GA, Lopes TRG, Cassiano AN, Carvalho JBL. Perfil epidemiológico de sífilis adquirida diagnosticada e notificada em hospital universitário materno infantil. Enferm Glob [Internet]. 2017 [acesso em 2020 ago 28];16(46). doi: 10.6018/eglobal.16.2.229371

Cavalcante PAM, Pereira RBL, Castro JGD. Sífilis gestacional e congênita em Palmas, Tocantins, 2007-2014. Epidemiol Serv Saúde [Internet]. 2017 [acesso em 2019 nov 21];26(2):255-64. doi: 10.5123/S1679-49742017000200003

Ministério da Saúde (BR). Boletim Epidemiológico de Sífilis [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2019 [acesso em 2019 Nov 21]. Disponível em: http://www.aids.gov.br/pt-br/pub/2019/boletim-epidemiologico-sifilis-2019

Marques JVS, Alves BM, Marques MVS, Arcanjo FPN, Parente CC, Vasconcelos RL. Perfil epidemiológico da sífilis gestacional: clínica e evolução de 2012 a 2017. Sanare [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Ago 28];17(2):13-20. doi: 10.36925/sanare.v17i2.1257

Araújo WJ, Quirino EMB, Pinho CM, Andrade MS. Percepção de enfermeiros executores de teste rápido em Unidades Básicas de Saúde. Rev Bras Enferm [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Ago 28];71(supl1):676-81. doi: 10.1590/0034-7167-2017-0298

Suto CSS, Silva DL, Almeida EC, Costa LEL, Evangelista TJ. Assistência pré-natal a gestante com diagnóstico de sífilis. Rev Enferm Atenção Saúde [Internet]. 2016 [acesso em 2019 Nov 21];5(2):18-33. Disponível em: http://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/enfer/article/view/1544/pdf

Nunes JT, Marinho ACV, Davim RMB, Silva GGO, Feliz RS, Martino MMF. Sífilis na gestação: perspectivas e condutas do enfermeiro. Rev Enferm UFPE [Internet]. 2017 [acesso em 2020 Ago 30];11(12):4875-84. doi: 10.5205/1981-8963-v11i12a23573p4875-4884-2017

Ministério da Saúde (BR). Agenda de Prioridades de Pesquisa do Ministério da Saúde – APPMS [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2018 [acesso em 2019 Nov 21]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/agenda_prioridades_pesquisa_ms.pdf

Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (BR). Metas nacionais dos objetivos de desenvolvimento sustentável [Internet]. Brasília: MPDG; 2018 [acesso em 2019 nov 21]. Disponível em: http://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/livros/livros/180801_ods_metas_nac_dos_obj_de_desenv_susten_propos_de_adequa.pdf

Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde (BR). Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS) [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2018 [acesso em 2020 Ago 28]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_promocao_saude.pdf

Minayo MCS. Amostragem e saturação em pesquisa qualitativa: consensos e controvérsias. Rev Pesqui Qualitativo [Internet]. 2017 [acesso em 2019 Nov 17];597:1-12. Disponível em: https://editora.sepq.org.br/index.php/rpq/article/view/82/59

Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 14ª ed. São Paulo: Hucitec-Abrasco; 2014.

Araújo EC, Monte PCB, Haber ANCA. Avaliação do pré-natal quanto à detecção de sífilis e HIV em gestantes atendidas em uma área rural do estado do Pará, Brasil. Rev Pan-Amaz Saude [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Ago 28];9(1):33-9. doi: 10.5123/S2176-62232018000100005

Costa JS, Vasconcelos PRSS, Carvalho HEF, Julião AMS, Sá MIMR, Monte NL. O conhecimento de gestantes com diagnóstico de sífilis sobre a doença. Rev Interd [Internet]. 2016 [acesso em 2019 Nov 21];9(2):79-89. Disponível em: https://revistainterdisciplinar.uninovafapi.edu.br/index.php/revinter/article/view/881

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Prevenção da Transmissão Vertical do HIV, Sífilis e Hepatites Virais. Brasília: Ministério da Saúde; 2019.

Wahab AA, Ali UK, Mohammad M, Moto EMM, Rahman MM. Syphilis in pregnancy. Pak J Med Sci [Internet]. 2015 [acesso em 2019 Nov 21];31(1):217-19. doi: 10.12669/pjms.311.5932

Manolescu LSC, Boeru C, Căruntu C, Dragomirescu CC, Goldis M, Jugulete G, et al. A Romanian experience of syphilis in pregnancy and childbirth. Midwifery [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Ago 30];78:58-63. doi: 10.1016/j.midw.2019.07.018

Padovani C, Oliveira RR, Pelloso SM. Sífilis na gestação: associação das características maternas e perinatais em região do sul do Brasil. Rev Latino-Am Enferm [Internet]. 2018 [acesso em 2020 Ago 28];26:e3019. doi: 10.1590/1518-8345.2305.3019

Chotta NAS, Msuya SE, Mgongo M, Hashim TH, Stray-Pedersen A. Mother's knowledge on HIV, syphilis, rubella, and associated factors in northern Tanzania: implications for MTCT elimination strategies. Int J Pediatr [Internet]. 2020 [acesso em 2020 Ago 30];7546954. doi:10.1155/2020/7546954

Ministério da Saúde (BR). Sífilis: estratégias para diagnóstico no Brasil [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2010 [acesso em 2019 Nov 21]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/sifilis_estrategia_diagnostico_brasil.pdf

Santana MVS, Barbosa PNG, Santos JFL. Sífilis gestacional na atenção básica. Diversitas J [Internet]. 2019 [acesso em 2020 Ago 30];4(2):403-19. doi: 10.17648/diversitas-journal-v4i2.783

Nascimento EGC, Cavalcanti MAF, Alchieri JC. Adesão ao uso da camisinha: a realidade comportamental no interior do nordeste do Brasil. Rev Salud Pública [Internet]. 2017 [acesso em 2019 Nov 21];19(1):39-44. doi: 10.15446/rsap.v19n1.44544

Barbosa KF, Batista AP, Nacife MBPSL, Vianna VN, Oliveira WW, Machado EL, et al. Factors associated with non-use of condoms and prevalence of HIV, viral hepatitis B and C and syphilis: a cross-sectional study in rural communities in Ouro Preto, Minas Gerais, Brazil, 2014-2016. Epidemiol Serv Saude [Internet]. 2019 [acesso em 2019 Nov 19];28(2):e2018408. doi: 10.5123/S1679-49742019000200023

Dourado I, MacCarthy S, Reddy M, Calazans G, Gruskin S. Revisitando o uso do preservativo no Brasil. Rev Bras Epidemiol [Internet]. 2015 [acesso em 2019 Nov 21];18(Suppl 1):63-88. doi: 10.1590/1809-4503201500050006

Ministério da Saúde (BR). Atenção ao pré-natal de baixo risco [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2012 [acesso em 2019 Nov 21]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/cadernos_atencao_basica_32_prenatal.pdf

Vasconcelos MIO, Oliveira KMC, Magalhães AHR, Guimarães RX, Linhares MSC, Queiroz MVO, et al. Sífilis na gestação: estratégias e desafios dos enfermeiros da atenção básica para o tratamento simultâneo do casal. Rev Bras Promoç Saúde [Internet]. 2016 [acesso 2020 Ago 30];29(Supl):85-92. Disponível em: https://periodicos.unifor.br/RBPS/article/view/6409/5216

Wu X, Hong F, Lan L, Zhang C, Feng T, Yang Y. Poor awareness of syphilis prevention and treatment knowledge among six different populations in south China. BMC Public Health [Internet]. 2016 [acesso em 2020 Ago 30];16(287). doi: 10.1186/s12889-016-2966-4

Ramos CFV, Araruna RC, Lima CMF, Santana CLA, Tanaka LH. Práticas educativas: pesquisa-ação com enfermeiros da Estratégia de Saúde da Família. Rev Bras Enferm [Internet]. 2018 [acesso em 2019 Nov 21];71(3):1211-8. doi: 10.1590/0034-7167-2017-0284




DOI: https://doi.org/10.5020/18061230.2021.10964

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia