Qualidade de vida de mulheres submetidas à cirurgia de revascularização do miocárdio em um hospital público - doi:10.5020/18061230.2010.p237

Rafaela Melo de Oliveira, Zylton Gondim Figueirôa de Sena, Lêda Maria da Costa Pinheiro Frota, Júlia Barreto Bastos de Oliveira

Resumo


Objetivos: Analisar o perfil sociodemográfico, fatores de risco e a qualidade de vida de mulheres submetidas à cirurgia de revascularização do miocárdio. Métodos: Realizou-se um estudo qualitativo através da aplicação de um formulário sobre estilo de vida e fatores de risco e de uma entrevista contendo quatro perguntas norteadoras a 15 pacientes revascularizadas
internadas nas unidades cardiológicas de um hospital de referência da rede pública e que não apresentavam quadros de depressão anteriores à cirurgia. Resultados: O perfil das
pesquisadas mostrou que 9 (60%) eram pardas, 8 (54%) possuíam o ensino fundamental incompleto, 4 (27%) eram donas de casa, 9 (60%) residiam em perímetro urbano, 10 (67%) eram casadas, todas tinham renda familiar abaixo de três salários mínimos e 4 (27%) tinham apenas dois filhos. A partir da análise do conteúdo das entrevistas, emergiram as seguintes categorias: religiosidade, ruptura com o cotidiano, família e qualidade de vida. Conclusão: Constatou-se que o conhecimento a respeito da estrutura psicossocial de cada paciente ajuda no tratamento do indivíduo submetido à cirurgia de revascularização do miocárdio. Ao identificar o estilo de vida e os fatores de risco, as mulheres promovem o autoconhecimento, o que poderá evitar hábitos que levem ao aparecimento de doenças cardiovasculares. Sugerese
a elaboração de estratégias de prevenção e promoção de saúde que envolvam as pacientes
e seus familiares para que haja uma extensão dos cuidados hospitalares em casa e uma melhor
adaptação à nova condição clínica.

Palavras-chave


Vida; Mulheres, Cirurgia Torácica; Revascularização Miocárdica.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5020/2022

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia