Repercussões psicossociais do acidente vascular cerebral no contexto da família de baixa renda - doi: 10.5020/18061230.2010.p343

José Nilson Rodrigues de Menezes, Luciana Andrade da Mota, Zélia Maria de Sousa Araújo Santos, Mirna Albuquerque Frota

Resumo


Objetivo: Compreender as repercussões psicossociais do Acidente Vascular Cerebral (AVC) no contexto familiar de baixa renda. Métodos: Pesquisa qualitativa, descritiva realizada em uma das sedes da Associação Beneficente Cearense de Reabilitação (ABCR), na cidade de Fortaleza, Ceará, no período de junho a dezembro de 2002. Participaram do estudo seis portadores de sequelas de AVC e seus familiares, independente da faixa etária, com média de seis meses de tratamento fisioterapêutico. Para coleta de dados, realizou-se observação livre e entrevista semiestruturada aplicada a pacientes e familiares, mediada por questões norteadoras específicas para cada grupo. Da análise de conteúdo emergiram cinco categorias. Resultados: As dificuldades do convívio familiar, os sentimentos de angústia e a ansiedade predominam na busca por recuperação, sendo o tratamento longo, com necessidade de determinação e conscientização do binômio paciente-família. O medo de perder o emprego, a responsabilidade, as despesas, a convivência familiar, além dos questionamentos sobre a doença e preocupações com restabelecimento e/ou cura estiveram presentes nos discursos de pacientes e familiares. Considerações finais: O AVC traz como repercussões psicológicas sentimentos de medo, angústia e limitação, contrastantes com a determinação da busca pela recuperação. Socialmente, o desemprego, a dependência física e financeira, e o isolamento social foram destacados.

Palavras-chave


Acidente Cerebral Vascular; Medicina de Família e Comunidade; Promoção da Saúde.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5020/2036

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia