Análise do discurso da Política Nacional de Promoção da Saúde - doi:10.5020/18061230.2011.p191

Aline Raddatz, Alessandro da Silva Scholze, Carlos Francisco Duarte Júnior, Plínio Augusto Freitas Silveira

Resumo


Objetivo: Analisar as características das perspectivas de Promoção da Saúde presentes nas propostas da atual Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS). Métodos: Realizou-se uma pesquisa qualitativa documental de caráter exploratório, empregando o procedimento metodológico do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC), no período de outubro de 2009 a junho de 2010. Resultados: Identificaram-se cinco Ideias-Centrais, relacionadas a três diferentes Ancoragens. Os DSC ligados às Ideias-Centrais: (1) Divulgar e Implantar a PNPS; (3) Articular e implementar ações dirigidas a fatores de risco individuais; e (4) Monitorar e Controlar agravos e fatores de risco, mostravam uma perspectiva da Promoção da Saúde com Ancoragem nas Abordagens Comportamental e/ou Biomédica. Os DSC das Ideias-Centrais (2) Discutir e Avaliar a PNPS e (5) Articular e implementar ações para o desenvolvimento sustentável refletiram uma Ancoragem na Abordagem Socioambiental da Promoção da Saúde. Conclusão: Verificou-se a complexidade de um conjunto de propostas que reflete diferentes visões da Promoção da Saúde, considerando que a visão Socioambiental, ainda que não predominante na PNPS, pode ser mais efetiva e em consonância com os princípios do Sistema Único de Saúde.

Palavras-chave


Promoção da Saúde; Políticas Públicas de Saúde; Saúde Pública.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2071

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia