Nível de atividade física e lombalgia entre funcionários de uma instituição de ensino superior no Nordeste do Brasil - doi:10.5020/18061230.2011.p199

Ana Valéria Reis Souza, Jefferson Paixão Cardoso, Saulo Vasconcelos Rocha, Camila Rego Amorim, Lélia Renata das Virgens Carneiro, Alba Benemérita Alves Vilela

Resumo


Objetivo: Verificar a associação entre o nível de atividade física habitual e a prevalência de lombalgia entre profissionais de uma instituição de ensino superior em Jequié-BA, Brasil. Métodos: Estudo transversal, censitário, que incluiu 83 dos 102 funcionários da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - Campus Jequié, obtendo uma taxa resposta de 81,37%. Utilizou-se um instrumento de coleta de dados contendo oito blocos de informações, nos quais foram incluídas variáveis sociodemográficas, de atividade física habitual e sintomas musculoesqueléticos (dor lombar). A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista individual no setor de trabalho do participante. Os dados foram tabulados com EpiData, versão 3.5 e analisados através do programa estatístico Statistical Package for Social Sciences – SPSS, versão 9.0. Resultados: Entre os funcionários, 41 (50,6%) são ativos fisicamente (praticam pelo menos 150 minutos/semana de atividades físicas). A prevalência de lombalgia nos últimos doze meses foi de 48,1%. Observou-se que 22 (59,5%) funcionários considerados fisicamente ativos apresentaram mais queixas de dores lombares quando comparados com os 15 (40,5%) funcionários inativos. Apesar da presença de lombalgia entre os indivíduos ativos ter sido maior, entende-se que o percentual de dores lombares entre os inativos fisicamente também foi significante. Conclusão: Não foi encontrada associação estatisticamente significante entre o nível de atividade física habitual e a presença de dores lombares.

Palavras-chave


Dor Lombar; Atividade Motora; Saúde do Trabalhador.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2072

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia