Análise de dados do sistema de informação de mortalidade (sim) e Comitê De Mortalidade Materna (CMM) no Rio Grande do Norte - doi: 10.5020/18061230.2012.p413

Cláudia Patrícia Costa de Macedo, Danila Augusta Accioly Varella Barca, Francisco das Chagas Valcácio, Jussara de Azevedo Dantas, Maria do Livramento Figueiredo Freitas, Iris do Céu Clara Costa

Resumo


Objetivos: Analisar a mortalidade materna no Rio Grande do Norte, na série histórica 2003- 2008, a partir de dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) e do Comitê de Mortalidade Materna (CMM) do estado. Métodos: Estudo descritivo, de base populacional, com dados secundários sobre mortalidade materna coletados no SIM estadual através do programa Tabwin, versão 3.2, e no CMM-RN, através das fichas e relatórios do arquivo. Resultados: Observou-se que o percentual de óbitos maternos investigados e confirmados
pelo Comitê em relação aos registrados no SIM variou de 3% em 2003, decrescendo para 1% em 2007, o que é muito pouco se comparado ao total de mortes de mulheres em idade
fértil ocorridas no período estudado. Conclusões: É possível perceber fragilidades da vigilância epidemiológica no rastreamento das mortes maternas e uma atuação do Comitê
na investigação dessas mortes muito aquém daquelas registradas no SIM, mostrando subregistro, incompletude dos dados e falta de consistência no fluxo de informações entre esses bancos, o que impossibilitou a comparação das informações existentes. Sugere-se que as Portarias nº 1172/2004 e nº 1119/2008 do Ministério da Saúde sejam cumpridas, que a vigilância fiscalize o registro da morte materna como evento de notificação compulsória e que
um efeito punitivo para os municípios que descumprirem esse protocolo seja estabelecido. Essas medidas poderão contribuir para a redução da mortalidade materna.

Palavras-chave


Mortalidade Materna; Sistemas de Informação; Saúde da Mulher.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2543

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia