Acesso à saúde bucal pública pelo paciente especial: a ótica do cirurgião-dentista

Herenia Lawrence, Luiza de Paula Sousa, Fabiola de Lima Gonçalves, Maria Vieira de Lima Saintrain, Anya Pimentel Gomes Fernandes Vieira

Resumo


Objetivo: Conhecer, sob a ótica dos cirurgiões-dentistas, o acesso dos pacientes especiais à saúde bucal no Sistema Único de Saúde. Métodos: Estudo transversal, quantitativo, realizado em 2011 por meio da aplicação de entrevistas baseadas em questionários semiestruturados, realizadas com cirurgiões-dentistas nas Unidades Básicas de Saúde da Família (UBASF) de uma capital do nordeste brasileiro. As variáveis englobaram dados sociodemográficos, condições de trabalho e as relacionadas ao acesso e atendimento do paciente portador de necessidade especial. Os achados foram analisados com estatística adequada pelo SPSS 15. Resultados: Entrevistaram-se 44 cirurgiões-dentistas, dos quais 36 (81,8%) atendiam pacientes especiais, 29 (65,9%) realizavam exame clínico e orientação de higiene bucal, e 5 (11,3%) realizavam exame clínico e encaminhavam para especialistas. Nove (20,5%) tiveram disciplina direcionada para esse tipo de usuário. O acesso, o acolhimento e a assistência odontológica oferecidos foram aprovados por 31 cirurgiões-dentistas (70%). Conclusão: Sob a ótica dos cirurgiões-dentista investigados, os pacientes especiais da rede pública estão tendo acesso à atenção em saúde bucal, entretanto, a resolutividade parece estar prejudicada, sendo necessário encaminhá-los a outros serviços.

doi:10.5020/18061230.2014.p190

Palavras-chave


Pessoas com Deficiência; Saúde Bucal; Acesso aos Serviços de Saúde; Sistema Único de Saúde.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


Medeiros Júnior A, Roncalli AG. Políticas de saúde no Brasil. In: Ferreira MAF, Roncalli AG, Lima KC. Saúde bucal coletiva: conhecer para atuar. Natal:UFRN; 2004. p. 249-59.

Barros AJD, Bertoldi AD. Desigualdades na utilização e no acesso a serviços odontológicos: uma avaliação em nível nacional. Ciênc Saúde Coletiva. 2002;7(4):709-17.

Pinheiro RS, Torres TZG. Uso de serviços odontológicos entre os Estados do Brasil. Ciênc Saúde Coletiva. 2006;11(4):999-1010.

Ministério da Saúde (BR). Cadernos de Atenção Básica. Brasília: Ministério da Saúde; 2006. (Caderno de Atenção Básica, 17).

Resende VLS, Castilho LS, Souza ECV, Jorge WV. Atendimento odontológico a pacientes com necessidades especiais. In: Anais do 8º. Encontro de Extensão da UFMG. Belo Horizonte; 2010 [acesso em 2010 Ago 28]. Disponível em: http://www.ufmg.br

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística -IBGE. Censos Demográficos [acesso em 2014 Maio 2]. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/calendario.shtm

Fundo Nacional de Saúde (BR) [internet]. Brasília:Ministério da Saúde; 2014 [acesso em 2014 Abr 29].Disponível em: http://www.fns.saude.gov.br

Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza. Relatório de Gestão 2010: saúde, qualidade de vida e a ética do cuidado. Fortaleza; 2011 [acesso em 2014 Maio2].Disponível em: http://www.sms.fortaleza.ce.gov.br

Ministério da Saúde (BR), Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012.DOU. 2013 Jun 13; nº 12 Seção 1; p. 59 [acesso em 2013 Nov 4]. Disponível em: http://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2012/Reso466.pdf

Arrais LA. Disponibilidade ao atendimento de pacientes especiais pelos odontopediatras de Fortaleza-CE [monografia de especialização]. Fortaleza: Associação Brasileira de Odontologia; 2007.

Rocha LL. Acessibilidade das pessoas com deficiência aos serviços públicos odontológicos em Fortaleza-Ce [dissertação]. Fortaleza: Universidade de Fortaleza;2012 [acesso em 2014 Maio 2]. Disponível em: uol01. unifor.br/oul/conteudosite/F1066348885/Dissertacao.pdf

Cunha ABO, Vieira-da-Silva LM. Acessibilidade aos serviços de saúde em um município do Estado da Bahia, Brasil, em gestão plena do sistema. Cad Saúde Pública. 2010;26(4):725-37.

Rocha EF, Kretzer MR. Ações de reabilitação de pessoas com deficiência na estratégia da saúde da família da Fundação Zerbini e Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo - Região Sudeste – Sapopemba/ Vila Prudente - período 2000/2006. Rev Ter Ocup.

;20(1):59-67.14.

Bonato LL, Lopes AMS, Silva CM, Itner RG, Silva ACH. Situação atual da formação para assistência de pessoas com necessidades especiais nas faculdades de odontologia no Brasil. ClipeOdonto. 2013;5(1):10-5.

Silva TAM, Fracolli LA, Chiesa AM. Professional trajectory in the family health strategy: focus on the contribution of specialization programs. Rev Latinoam Enferm. 2011;19(1):148-55.

Resende VLS, Castilho LS, Viegas CMS, Soares MA. Atendimento odontológico a pacientes com necessidades especiais. In: Anais do 7º Encontro de Extensão da Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte; 2004 [acesso em 2011 Maio 21]. Disponível em http://www.ufmg.br/congrext/Saude/Saude32.pdf

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde. Gestão da Educação [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2014[acesso em 2014 Maio 2]. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=9276&Itemid=473

Bhowate R, Dubey A. Dentofacial changes and oral health status in mentally challenged children. J Indian Soc Pedod Prev Dent. 2005;23(2):71-3.

Camargo MA, Antunes JL. Untreated dental caries in children with cerebral palsy in the Brazilian context.Int J Paediatr Dent. 2008;18(2):131-8.

Guerreiro PO, Garcias GL. Diagnóstico das condições de saúde bucal em portadores de paralisia cerebral do município de Pelotas, Rio Grande do Sul,Brasil. Ciênc Saúde Coletiva. 2009;14(5):1939-46.

Huang ST, Hurng SJ, Liu HY, Chen CC, Hu WC, Tai YC, et al. The oral health status and treatment needs of institutionalized children with cerebral palsy in Taiwan. J Dent Sci. 2010; 5(2):75-89.

Othero MB, Dalmaso ASW. Pessoas com deficiência na atenção primária: discurso e prática de profissionais em um centro de saúde-escola. Interface Comun Saúde Educ. 2009;13(28):177-88.

Ministério da Saúde (BR). Humanizasus: acolhimento com avaliação e classificação de risco: um paradigma ético estético no fazer saúde. Brasília: Ministério da Saúde; 2009 [acesso em 2011 Jun 17]. Disponível em: bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/acolhimento.pdf

Marra PS. Dificuldades encontradas pelos responsáveis para manter a saúde bucal de portadores de necessidades especiais [dissertação]. Duque de Caxias: Universidade do Grande Rio; 2007 [acesso em 2011 Maio 20]. Disponível em: http://www.dominiopublico.gov.br/ pesquisa/DetalheObraForm.doselect_action=&co_obra=82660

Sampaio EF, César FN, Martins MGA. Perfil odontológico dos pacientes portadores de necessidades especiais atendidos no instituto de previdência do Estado do Ceará. 2004. Rev Bras Promoç Saúde2004;17(3):127-34.

Ministério da Saúde (BR). Portaria nº 599 de 23 de Março de 2006. Define a implantação de Especialidades Odontológicas (CEOs) e de Laboratórios Regionais de Próteses Dentárias (LRPDs) e estabelecer critérios,normas e requisitos para seu credenciamento [acesso em 2014 Maio 2]. Disponível em: http://www.brasilsus.com.br

Brasil. Lei 8.080/90 Brasília: Diário Oficial da União,1990.

Brasil. Lei 8.142/90 Brasília: Diário Oficial da União,1990.

Teixeira CF, Solla J, organizadores. Modelo de atenção à saúde: promoção, vigilância saúde da família.Salvador: CEPS-ISC - EDUFBA; 2006.

Paim JS. Reforma Sanitária Brasileira: contribuição para compreensão e crítica. Salvador: EDUFBA; 2008

Vieira-da-Silva LM. Conceitos, abordagens e estratégias para a avaliação em saúde. In: Hartz ZMA, Vieira-da-Silva LM, organizadores. Avaliação em saúde:dos modelos teóricos à prática na avaliação de programas e sistemas de saúde. Salvador: EDUFBA; Rio de Janeiro:FIOCRUZ; 2005. p. 15-39.

Fadel MAV, Regis Filho GI. Percepção da qualidade em serviços públicos de saúde: um estudo de caso. Rev Adm Pública. 2009;43(1):7-22.

Cunha AR, Bavaresco CS, Carrard VC, Lombardo EM. Atrasos nos encaminhamentos de pacientes com suspeita de câncer bucal: percepção dos cirurgiões dentistas na atenção primária à saúde. J Bras Telessaúde.2013;2(2):66-74.




DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2620

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia