Consumo alimentar de crianças atendidas em ambulatório de nutrição de unidade - doi:10.5020/18061230.2009.p81

Ingrid Rocha Ramalho, Eliane Mara Viana Henriques

Resumo


Objetivo: Avaliar o padrão alimentar de crianças em seguimento ambulatorial, verificando os tipos de alimentos, o consumo energético e a distribuição de nutrientes. Métodos: Realizou-se um estudo documental, no período de janeiro de 2005 a dezembro 2007, em que foram analisados 75 recordatórios alimentares presentes nos prontuários de crianças com idade entre 2 e 10 anos. As variáveis estudadas foram hábito alimentar, consumo energético, distribuição de macronutrientes, de micronutrientes (cálcio, ferro e as vitaminas A, C, B1, B2) e fibras. Os testes exato de Fisher e Qui-quadrado foram usados para verificar associação entre o consumo alimentar e as variáveis estudadas. Resultados: Os alimentos mais consumidos consistiram de: leite, arroz, feijão, óleo e açúcar, e menor de frutas e verduras. Com relação ao consumo de energia, o estudo revelou que 8 (10,66%) crianças ingeriam a quantidade recomendada, sendo que 32 (42,66%) consumiam um valor inferior e 35 (46,66%), valor superior ao recomendado para sua idade, sexo e atividade física. Em relação aos carboidratos, proteínas e lipídios, observou-se que 59 (78,7%), 68 (90,7%) e 39 (52%) crianças encontravam-se de acordo com as respectivas DRI (dietetic references intake). O consumo de alimentos ricos em ferro esteve presente, mas houve pouco consumo de fontes de vitamina C. Conclusão: A avaliação dos recordatórios alimentares revelou uma dieta monótona e pouco diversificada, basicamente láctea, com consumo elevado de açúcares e de gordura e reduzido consumo de frutas e verduras.

Palavras-chave


Consumo de Alimentos; Pré-Escolar; Criança; Recomendações Nutricionais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/350

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia