O uso de álcool e tabaco entre acadêmicos de uma universidade do sul do Brasil

Lucimare Ferraz, Shayane Luiza Rebelatto, Greice Cristine Schneider, Vinicius Anzolin

Resumo


Objetivo: Conhecer a prevalência do consumo de álcool e tabaco entre estudantes de uma universidade do sul do Brasil. Métodos: O estudo tem caráter exploratório-descritivo, com delineamento transversal, e ocorreu de agosto de 2012 a junho de 2013. A pesquisa foi realizada por meio de um questionário estruturado (com questões sobre o uso de álcool e tabaco) autopreenchido por 284 acadêmicos e os resultados foram analisados por técnicas descritivas, frequências absolutas e relativas, e estatísticas com teste qui-quadrado para variáveis categóricas dicotômicas e Kruskal-Wallis para variáveis contínuas. Resultados: Dos universitários participantes 242 (85,2%) já consumiram álcool e 53 (18,7%) já fizeram uso de tabaco em algum momento na vida. Em relação ao consumo das substâncias e o gênero dos universitários, não houve diferença em relação ao consumo de álcool (p=0,857). Contudo, em relação ao tabaco, evidencia-se que os homens consomem mais que as mulheres (p=0,001). Conclusão: O estudo revela que a prevalência do consumo de álcool nessa população universitária é alta, tornando-se necessárias investigações mais abrangentes sobre os aspectos envolvidos no consumo de álcool e tabaco por esse público.

Palavras-chave


Uso de Tabaco; Bebidas Alcoólicas; Estudantes; Prevalência.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


Lorant V, Nicaise P, Soto VE, D’hoore W. Alcohol drinking among college students: college responsibility for personal troubles. BMC Public Health. 2013;13(615):1-9.

Barreto ML, Almeida N Filho. Epidemiologia e saúde: fundamentos, métodos e aplicações. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2012.

World Health Organization. Global status reporto n alcohol and health [Internet]. Geneva: WHO; 2014 [acesso em 2015 Abr 11]. Disponível em: http://apps.who.int/iris/bitstream/10665/112736/1/9789240692763_eng.pdf?ua=1

World Health Organization. WHO report on the global tobacco epidemic 2008: the MPOWER packaged. Geneva: WHO; 2008 [acesso em 2015 Abr 11]. Disponível em:http://www.who.int/tobacco/mpower/2008/en

Instituto Nacional de Câncer - INCA. Consumo de bebidas alcoólicas [Internet]. Rio de Janeiro: INCA [acesso em 2015 Abr 18]. Disponível em: http://www1.inca.gov.br/conteudo_view.asp?ID=14

Oliveira HP Júnior, Brands B, Cunningham J, Strike C, Wright MGM. Percepção dos estudantes universitários sobre o consumo de drogas entre seus pares no ABC Paulista, São Paulo, Brasil. Rev Latinoam Enferm. 2009;17(Nespe):871-7.

Wagner GA. Álcool e drogas: terceira pesquisa sobre atitudes e uso entre alunos da Universidade de São Paulo – Campus São Paulo (Cidade Universitária, Complexo da Saúde e Faculdade de Direito). São Paulo: Universidade de São Paulo; 2011.

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde. Política Nacional de Promoção da Saúde [Internet]. 3ª ed. Brasília: Ministério da Saúde; 2010 [acesso em 2015 Abr 18]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_promocao_saude_3ed.pdf

Natividade JC, Aguirre AR, Bizarro L, Hutz CS. Fatores de personalidade como preditores do consumo de álcool por estudantes universitários. Cad Saúde Pública. 2012;28(6):1091-1100.

Pedrosa AAS, Camacho LAB, Passos SRL, Oliveira RVC. Consumo de álcool entre estudantes universitários. Cad Saúde Pública. 2011;27(8):1611-21.

Picolotto E, Libardoni LFC, Migott AMB, Geib LTC. Prevalência e fatores associados com o consumo de substâncias psicoativas por acadêmicos de enfermagem da Universidade de Passo Fundo. Ciênc Saúde Coletiva. 2010;15(3):645-54.

Brasil. Presidência da República. Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas. I levantamento nacional sobre o uso de álcool, tabaco e outras drogas entre universitários das 27 capitais brasileiras [acesso em 2014 Out 21]. Disponível em: http://www.grea.org.br/I_levantamento/I_levantamento nacional.pdf

Pereira MO, Cardoso LCS, Souza LMCG, Sampaio VM, Oliveira MAF. O consumo de álcool e outras drogas entre estudantes universitários: interferências na vida acadêmica. SMAD Rev Eletrônica Saúde Mental Alcool Drog [Internet]. 2013 [acesso em 2015 Abr 18];9(3):105-10. Disponível em: http://dx.doi.org/10.11606/issn.1806-6976.v9i3p105-110

Mesquita EM, Nunes AJ, Cohen C. Avaliação das atitudes dos estudantes de medicina frente ao abuso de drogas por colegas do meio acadêmico. Rev Psiquiatr Clín (São Paulo). 2008;35(1):8-12.

Pedrosa AAS, Camacho LAB, Passos SRL, Oliveira RVC. Consumo de álcool entre estudantes universitários. Cad Saúde Pública. 2011;27(8):1611-21.

Paduani GF, Barbosa GA, Morais JCR, Pereira JCP, Almeida MF, Prado MM, et al. Consumo de álcool e fumo entre os estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Uberlândia. Rev Bras Educ Méd. 2008;32(1):66-74.

Carneiro ALM, Rodrigues SB, Gherardi-Donato ECS, Guimarães EAA, Oliveira VC. Padrão do uso de álcool entre estudantes universitários da área da saúde. Rev Enferm Cent.-Oeste Min. 2014;4(1):940-50.

Fachini A, Furtado EF. Uso de álcool e expectativas do beber entre universitários: uma análise das diferenças entre os sexos. Psicol Teor Pesqui. 2013;29(4):421-8.

Rosa MI, Caciatori JFF, Panatto APR, Silva BR, Pandini JC, et al. Uso de tabaco e fatores associados entre alunos de uma universidade de Criciúma (SC). Cad Saúde Colet (Rio J). 2014; 22(1):25-31.

Stramari LM, Kurtz M, Silva LCC. Prevalência e fatores associados ao tabagismo em estudantes de medicina de uma universidade em Passo Fundo (RS). J Bras Pneumol. 2009;35(5):442-8.

Magliari RT, Pagliusi AL, Previero BM, Menezes FR, Feldman A, Novo NF. Prevalência de tabagismo em estudantes de faculdade de medicina. Rev Med. 2008;87(4):264-71.

Lombardi SEM, Prado GF, Santos UP, Fernandes FLA. O tabagismo e a mulher: riscos, impactos e desafios. J Bras Pneumol. 2011;37(1):118-128.

Pillon SC, O'Brien B, Chavez KAP. A relação entre o uso de drogas e comportamentos de risco entre universitários brasileiros. Rev Latinoam Enferm. 2005;13(Nesp 2):1169-76.

Portugal FB, Siqueira MM. Fatores associados ao uso de substâncias psicoativas entre universitários de pedagogia da universidade federal do Espírito Santo. Cad Saúde Colet (Rio J). 2011;19(3):348-55.




DOI: http://dx.doi.org/10.5020/18061230.2017.p79

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia