Análise epidemiológica do câncer de colo de útero em serviço de atendimento terciário no Ceará – Brasil - doi:10.5020/18061230.2005.p205

Tatiane Gomes Guedes, Augediva Maria Jucá Pordeus, Maria Albertina Rocha Diógenes

Resumo


Estudo epidemiológico do tipo descritivo, desenvolvido no Hospital do Câncer do Ceará, objetivando identificar o perfil sócio-demográfico das pacientes com diagnóstico de câncer de colo uterino, no período de 2000 a 2002, bem como analisar as características do tumor e os tipos de tratamento a que elas foram submetidas. Estudaram-se os registros de 1085 mulheres tratadas com diagnóstico de câncer de colo uterino. A coleta de dados deu-se por meio do Sistema de Informações do Registro Hospitalar de Câncer – SISRHC. Os resultados evidenciaram que 65,3% das mulheres acometidas por câncer de colo uterino, atendidas na instituição, encontravam-se na faixa etária de 40 a 69 anos de idade. No que se refere ao grau de instrução, predominaram, com 74,2%, as analfabetas ou as que possuíam apenas o ensino fundamental incompleto, sendo a profissão de doméstica a mais freqüente (62,2%). O principal método diagnóstico empregado foi a histopatologia (98,8%). Mais da metade das pacientes apresentava o tumor na fase de estadiamento II e III, 24,5% e 28,9%, respectivamente. O tratamento de escolha mais aplicado foi a radioterapia (39,7%). As pacientes, em estudo, possuíam um baixo nível de escolaridade, um estadiamento avançado no momento do diagnóstico, diminuindo as suas possibilidades de cura e a sobrevida. Os resultados sugerem a necessidade de reestruturação dos programas de rastreamento, por meio da implantação de ações para a detecção precoce da doença e de suas lesões precursoras, diminuindo assim, a incidência e a mortalidade do câncer de colo de útero em nosso meio.

Palavras-chave


Neoplasias Uterinas; Epidemiologia; Prevenção primária.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/945

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia