Tratamento periodontal e bem-estar: um estudo qualitativo - doi:10.5020/18061230.2006.p68

Ana Ceci Cordeiro Pinheiro, Débora Lopes Sandres, Giselle Cavalcante de Oliveira, Danilo Lopes Ferreira Lima, Sharmênia de Araújo Soares Nuto, Delane Maria Rego

Resumo


A doença periodontal é uma das principais causas de perda dentária, gerando problemas funcionais e estéticos, atingindo o bem-estar e a auto-estima do paciente. A auto-percepção dos pacientes que conseguiram chegar à saúde periodontal, através de um tratamento correto, não tem sido relatada. Esta investigação, realizada com 6 pacientes portadores de periodontite agressiva, por meio de um questionário semi-estruturado, avaliou a visão destes em todas as etapas do tratamento periodontal, desde o primeiro contato com o periodontista com a descoberta da doença, até as sessões de retorno para a terapia periodontal de suporte (TPS). Emergiram a partir da análise dos discursos, três categorias empíricas: a procura pela terapia, o bem-estar antes do tratamento e o bem-estar após o tratamento periodontal. Na fase de TPS da periodontite agressiva, pudemos observar que cada entrevistado tem um conceito pessoal de seu bem-estar, e que houve uma melhora após o controle da doença. Perceber que existe relação entre o sucesso do tratamento e uma sensação de bem-estar pode trazer ao cirurgião-dentista uma nova visão ao abordar os pacientes que anseiam pelo restabelecimento de sua saúde bucal.

Palavras-chave


Bem-estar; Periodontite; Terapia; Pesquisa qualitativa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/964

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia