A abordagem e o tratamento de um ameloblastoma unicístico na mandíbula

Antônio Francisco Durighetto Júnior, Adriano Mota Loyola, Cláudia Jordão Silva, Sérgio Vitorino Cardoso, Rafaela Guidi, João César Guimarães Henriques, José Humberto Macedo, Leonardo Tadeu Martins

Resumo


Dentre o complexo grupo de tumores odontogênicos, o ameloblastoma se destaca como o tumor odontogênico de origem epitelial mais importante e comum. Consiste em um tumor majoritariamente benigno, de curso lento e localmente invasivo, muito embora possa ter altas taxas de recidivas. O ameloblastoma unicístico é uma das variantes do tumor e merece consideração à parte por suas características próprias. Este trabalho teve por finalidade elucidar as peculiaridades desta variante do ameloblastoma, a partir do relato de caso do atendimento de um jovem que teve o acometimento do tumor na mandíbula, abordando os métodos diagnósticos utilizados e o tratamento empregado. Baseando-se nos dados obtidos, conclui-se que o prognóstico para pacientes com ameloblastoma unicístico é bastante favorável, desde que os procedimentos propedêuticos sejam bem conduzidos pelos profissionais em questão.

Palavras-chave


Ameloblastoma; Neoplasias mandibulares; Mandíbula; Tumores odontogênicos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/18061230.2006.p247

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza - Ceará - Brasil - e-ISSN: 1806-1230

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia