Nokia e Gradiente: desdobramentos da estratégia de cooperação nas estratégias

Paulo Sidney Ferreira, Marcos Alberto Castelhano Bruno

Resumo


O mercado de telefonia celular vem passando por mudanças significativas nos últimos anos. A explosão do consumo, a
globalização e os avanços tecnológicos transformaram o mercado de celulares em um dos mais competitivos do mundo. Este
cenário promove o interesse por mercados considerados promissores, entre eles o Brasil, que possui hoje o 6º maior mercado
de celulares do mundo. A alternativa mais utilizada nos últimos anos para empresas internacionais entrarem em mercados fora
dos seus países, tem sido as Alianças Estratégicas. Este artigo busca analisar a aliança estratégica internacional firmada entre
a Nokia e a Gradiente e os resultados obtidos a partir desta aliança. Para a realização deste trabalho o método utilizado foi o
do estudo de caso, através de análise documental e levantamento bibliográfico. Os principais resultados obtidos pela aliança foram o conhecimento do mercado brasileiro, fortalecimento da marca e consolidação da posição no mercado para a Nokia, e para a Gradiente, a entrada em um mercado ainda não explorado e aquisição de tecnologia, além de retorno financeiro e fortalecimento da marca. A Nokia mantém sua liderança mundial em comunicação móvel, e a Gradiente se posiciona como uma das líderes no mercado de eletroeletrônicos no País.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2318-0722.13.2.%25p

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia