Avaliação da capacidade de predição do Índice de Desenvolvimento Humano dos Municípios (IDH-M) a partir das demonstrações contábeis e legais

Manuel Roque dos Santos Filho, José Maria Dias Filho, Gilênio Borges Fernandes

Resumo


Esse trabalho teve por objetivo analisar a relação entre a alocação de recursos públicos por função de governo (Despesas por Função de Governo) e o IDH-M dos municípios baianos. Para isso foi efetuada uma análise de regressão com base no método dos mínimos quadrados ordinários, tendo como variável dependente o IDH-M dos municípios baianos em 2000 e como variáveis independentes as despesas por função de governo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2318-0722.18.1.%25p

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia