Qualidade da informação contábil e sustentabilidade nas companhias brasileiras listadas na BM&FBovespa

GILDO RODRIGUES DA SILVA, FABIO MORAES DA COSTA

Resumo


O objetivo deste artigo foi avaliar se a entrada no Índice de Sustentabilidade Ambiental (ISE) leva à redução no gerenciamento de resultados ou se esta seria apenas uma forma indireta de reunir fatores já ligados diretamente com a qualidade da informação contábil. O estudo analisou se as empresas consideradas sustentáveis e participantes no ISE possuem menor nível de gerenciamento de resultados (GR). Como proxy de sustentabilidade, foi utilizado o ISE, e, como proxy de qualidade, foi utilizado o GR. Foram realizadas 797 observações com dados coletados na BM&FBovespa pela ferramenta da Economática no período pós IFRS, de 2010 a 2012. No artigo, foi utilizado o modelo Jones (1991), modificado por Dechow, Sloan e Sweeny (1995), e a Teoria da Divulgação. Os resultados sugerem uma relação negativa entre os accruals discricionários e a participação no ISE, indicando que não é a entrada no ISE que leva as empresas a gerenciarem menos os resultados, mas sim os critérios estabelecidos pela BM&FBovespa para participação no índice, tais como relatório de sustentabilidade, tamanho e nível de governança. Assim, a participação no ISE poderia ser utilizada pelo mercado como uma métrica de sinalização para capturar a qualidade da informação, possibilitando ganho em termos de resumo e redução dos custos de transação. Os resultados corroboram com as pesquisas nacionais e internacionais ao adicionar a variável sustentabilidade como uma das proxies de qualidade da informação contábil, assim como as variáveis tamanho da empresa e atributos de governança corporativa.

Texto completo:

PDF XML


DOI: https://doi.org/10.5020/2318-0722.23.1.103-127

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia