Fatores de clima organizacional relevantes para a criatividade: estudo de caso em empresas brasileiras

Julio Cesar Volpp Sierra, Marcello Marchiano, Carlos Roberto Banzato, Roque Rabechini Junior

Resumo


Este artigo, classificado como empírico e descritivo, tem como objetivo principal identificar quais fatores de clima organizacional são relevantes para o surgimento e desenvolvimento da criatividade nas organizações brasileiras, e também validar os construtos que compõem o fenômeno clima organizacional, amparado na teoria de Ekvall (1996), e criatividade, de acordo com Amabile (1997). Para tanto, foi utilizado questionário simplificado elaborado por Moultrie e Young (2009), composto de 27 questões, submetido a 112 respondentes de empresas brasileiras no setor industrial e de prestação de serviços. Da análise estatística, via SmartPLS 2.0, identificou-se relação positiva entre fatores de clima organizacional e criatividade. Os constructos práticas de gestão, recursos e motivação organizacional, de Amabile, e ainda atitude no trabalho, de Ekvall, foram validados como elementos explicativos de criatividade.

Texto completo:

PDF XML


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/2318-0722.23.1.217-244

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia