Empreendedor Social: Entre a Educação Formal e Não Formal

Lucimar da Silva Itelvino, Priscila Rezende da Costa, Maria da Gloria Marcondes Gohn, Claudio Ramacciotti

Resumo


O objetivo foi compreender o processo de formação do empreendedor social. Para a análise desse processo, fez-se necessário reconhecer os espaços e contextos da formação dos empreendedores, suas motivações sociais e suas trajetórias de liderança social, ou seja, os elementos presentes no desenvolvimento profissional e social dos indivíduos. A pesquisa assumiu caráter qualitativo e contemplou a análise de 59 histórias de vida de empreendedores sociais. Os resultados obtidos proporcionaram conclusões sobre a combinação de metodologias que integram e sistematizam conhecimentos teóricos e as possibilidades existentes de percepção do empreendedorismo nos diferentes espaços de formação “formal” e “não formal”.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Ciências Administrativas, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0722

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia