Reconhecimento de marcas: um estudo quase-experimental online sobre a força da marca e a impulsividade do consumidor no ambiente de varejo

Autores

  • Nathalia de Abreu Kelday de Miranda Universidade de Brasília
  • Rafael Barreiros Porto Universidade de Brasília
  • Julietty Christielle Laurentino dos Santos Universidade Federal da Paraíba Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.5020/2318-0722.2019.8583

Resumo

É por meio do reconhecimento de marca que o consumidor se torna apto a armazenar e reproduzir suas percepções sobre as marcas e, como decorrência, se fideliza e desenvolve potencial de recomendação. O objetivo deste estudo é investigar a influência da força da marca sobre o seu reconhecimento pelo consumidor. Para isso, foi feito um experimento online, no qual foram apresentadas as embalagens de seis marcas, individualmente, em três intervalos de tempo diferentes, restritos a frações de segundo. Após cada uma das exposições, perguntou-se qual era a marca do produto apresentado. A seguir, foi aplicado um questionário de impulsividade e coletado o nível da força das marcas testadas, por meio do grau de qualidade e conhecimento atribuído pelos participantes. Os resultados demonstraram que tanto a força da marca como a impulsividade estão relacionadas com o reconhecimento de marcas, porém com graus de influência distintos.

Downloads

Publicado

06.12.2019

Como Citar

MIRANDA, N. de A. K. de; PORTO, R. B.; LAURENTINO DOS SANTOS, J. C. Reconhecimento de marcas: um estudo quase-experimental online sobre a força da marca e a impulsividade do consumidor no ambiente de varejo. Revista Ciências Administrativas, [S. l.], v. 25, n. 3, 2019. DOI: 10.5020/2318-0722.2019.8583. Disponível em: https://periodicos.unifor.br/rca/article/view/e8583. Acesso em: 12 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos