Recontextualização de palavras no português escrito mineiro: um estudo no contexto de operações policiais

Autores

  • Juliana Bertucci Barbosa
  • Candice Guarato Santos

DOI:

https://doi.org/10.5020/23180714.2016.31.2.364-382

Palavras-chave:

Variação linguística. Português mineiro de Uberaba. Semântica Lexical. Operações policiais. Recontextualização de palavras.

Resumo

A sociedade e sua cultura, ao longo do tempo, passam por transformações e isso se reflete na língua. Essas variações e mudanças linguísticas nem sempre provocam o nascimento de palavras novas, pois o léxico apresenta a característica de ser mutável, isto é, uma palavra pode, com o passar do tempo, ser reutilizada em outro contexto. Para alcançar esse propósito, entre vários métodos, há o processo de reutilização de palavras que também é denominado de recontextualização. A partir dessa questão, este artigo tem o objetivo de analisar o processo de recontextualização de palavras empregadas em notícias sobre operações policiais em Minas Gerais. Para isso, foi composto um corpus de 25 nomes, ou expressões nominais, extraídas de notícias de jornais mineiros online publicados no período de 2001 a 2013, que se referiam às ações policiais. Após a seleção do corpus houve o estudo descritivo, seguindo as teorias das áreas da Semântica Lexical e da Variação Linguística. Nessa pesquisa, as características das operações, ou seja, os traços semânticos expostos nas reportagens foram separados e comparados aos significados das mesmas palavras apresentadas em dois dicionários, o Dicionário UNESP do Português Contemporâneo e o Dicionário Aurélio. Após a realização dessa análise, concluiu-se que todas as palavras sofreram o processo de recontextualização. No entanto, a maioria das palavras sofreu o processo de restrição de sentido, em outras palavras, o seu sentido original foi restringido. Tal resultado se deve ao fato de as palavras, em questão, nomearem uma ação pontual do cotidiano policial, por isso, a especificação do sentido original.

Biografia do Autor

Juliana Bertucci Barbosa

Doutora em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP - Universidade de Lisboa Professora do PROFLETRAS UFTM e UNESP.

Candice Guarato Santos

Mestranda em Estudos Linguísticos pela UFU, bolsista CAPES Graduada em Letras pela UFTM.

Downloads

Publicado

2016-12-16

Como Citar

Barbosa, J. B., & Santos, C. G. (2016). Recontextualização de palavras no português escrito mineiro: um estudo no contexto de operações policiais. Revista De Humanidades, 31(2), 364–382. https://doi.org/10.5020/23180714.2016.31.2.364-382

Edição

Seção

Artigos