As metamorfoses do espelho do rosto materno na constituição do self da criança*

Giselle César Vieira Diniz

Resumo


Depois de situar brevemente o tema do espelho do rosto materno no contexto do que Winnicott escreve sobre o desenvolvimento afetivo da criança e Lacan sobre o estádio do espelho na constituição do eu, o artigo tem como objetivo refletir sobre as principais metamorfoses do espelho do rosto materno na formação do self, analisando sucessivamente suas vicissitudes como espelho mágico, espelho-vidro e espelho verdadeiro e suas implicações teóricas no processo da formação do falso e do verdadeiro self da criança. Palavras-chave: fase do espelho, rosto materno, falso e verdadeiro self.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Subjetividades, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2359-0777

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia