Câncer infantil: organização familiar e doença

Catarina Nívea Bezerra Menezes, Paola Moura Passareli, Fernanda Souza Drude, Manoel Antônio dos Santos, Elizabeth Ranier Martins do Valle

Resumo


Trata-se de um estudo bibliográfico que objetivou investigar a literatura psicossocial sobre as experiências das famílias que têm crianças e adolescentes com câncer, publicada no contexto brasileiro nos últimos dez anos. Almejou-se traçar um panorama do estado da arte das publicações nessa área, identificando possíveis lacunas e tendências. Para a coleta de dados, foi utilizado o método do levantamento bibliográfico, mediante a busca não-sistemática de artigos indexados e livros. As publicações foram submetidas a uma análise qualitativa, agrupando-se os achados considerados relevantes para orientar as intervenções da equipe de saúde. Os resultados evidenciaram um número crescente de publicações nessa área, que mostram que a equipe multiprofissional necessita oferecer informações e apoio contínuo às famílias para ajudálas a enfrentar as situações estressantes, de modo que possam colaborar e participar ativamente do tratamento. Palavras-chave: câncer infantil, oncologia pediátrica, neoplasias, criança, cuidado psicossocial.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Subjetividades, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2359-0777

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia