Entre Travessias: A Saúde dos Docentes na Expansão/Interiorização do IFMA

Valéria Maria Lima Cardoso, Carla Vaz dos Santos Ribeiro

Resumo


Este artigo refere-se aos impactos na saúde do processo de migração realizado pelos professores em decorrência da expansão /interiorização do IFMA. Adotou-se o materialismo histórico dialético como método e como referencial teórico a Sociologia do Trabalho e a Psicodinâmica do Trabalho. Entrevistou-se 5 (cinco) professores e 2 (dois) diretores por meio de roteiros de entrevista semiestruturada. Conclui-se, que os professores utilizam de diferentes estratégias para o enfrentamento das adversidades no contexto laboral que envolvem o distanciamento familiar e as condições de infraestrutura deficitárias da cidade onde se localiza o campus.

Palavras-chave


migração humana, trabalho docente, saúde, ensino profissionalizante

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/23590777.16.1.23-36

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Subjetividades, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2359-0777

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia