Mal-estar e subjetividade feminina

Maria Madalena Magnabosco

Resumo


O artigo tem por objetivo trabalhar o mal-estar e subjetividade feminina, os quais, durante séculos, estiveram sob o julgo avaliativo de um olhar masculino anclado em concepções médicobiológicas para lerem a construção do corpo-corpus do sujeito do feminino. Para tanto, revisitaremos o conceito de gênero e suas transformações no tempo-histórico para depois adentrarmos nas questões específicas de como um conceito e um determinado olhar podem construir/desconstruir a subjetividade do sujeito do feminino.

Palavras-chave


gênero, diferença, histeria, subjetividade, representação, testemunho narrativo

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Subjetividades, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2359-0777

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia