Entrevistas preliminares em psicoterapia de família: construção da demanda compartilhada

Rebeca Nonato Machado, Terezinha Féres Carneiro, Andrea Seixas Magalhães

Resumo


O presente trabalho é produto de uma pesquisa que teve como objetivo investigar o período de entrevistas preliminares com famílias, focalizando a especificidade da avaliação diagnóstica familiar e as implicações da construção da demanda compartilhada para a adesão da família à psicoterapia. A demanda familiar compartilhada foi uma noção desenvolvida neste estudo, significando a motivação latente que conduziu o grupo à psicoterapia. Ou seja, corresponde aos conteúdos interpsíquicos que são ainda incompreensíveis para a família, que não concebe o sofrimento como algo compartilhado. Postula-se que, no período de entrevistas, é importante problematizar a queixa inicial, por vezes centrada nos conflitos do sujeito-sintoma. As intervenções iniciais visam à realização da transformação do discurso de vitimização dos familiares, conduzindo a um posicionamento conjunto responsável pelo sofrimento psíquico. Na revisão da literatura, foram privilegiadas contribuições, tanto da abordagem psicanalítica quanto algumas noções da abordagem sistêmica. Para atingir os objetivos propostos, a pesquisa adotou uma metodologia de estudo de casos clínicos. Foram analisados três casos de psicoterapia familiar, com diferentes queixas e problemáticas. O estudo dos casos respaldou-se na análise clínica de conteúdos das entrevistas preliminares e na análise do material projetivo originado da aplicação do Arte Diagnóstico Familiar – ADF, instrumento de avaliação familiar. A descrição dos três casos clínicos ilustra o período de entrevistas preliminares e o trabalho de construção da demanda compartilhada.

Palavras-chave


Psicoterapia De Família. Avaliação Familiar. Entrevistas Preliminares. Queixa Inicial. Demanda Compartilhada

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Subjetividades, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2359-0777

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia