Retrato de uma vida contida: estudo de um caso de autismo com internação prolongada

Yzy Maria Rabelo Câmara, João Joaquim Freitas do Amaral, Adriana Melo de Farias, Yls Rabelo Câmara, Eveline Mourão de Araújo

Resumo


Este artigo visa a compreensão do autismo a partir de um caso com internação prolongada. O autismo será fundamentado em duas óticas: Psiquiatria e Psicanálise Winnicottiana. Pela Psiquiatria, serão abordados conceito, possíveis causas e sintomas e pela teoria Winnicottiana, serão discutidos a importância do suporte familiar e do meio saudável para um desenvolvimento emocional que tenda à integração do indivíduo, sendo o autismo mostrado como uma possível falha nesta estrutura. O caso clínico escolhido refere-se a uma paciente abandonada pela família, com forte e constante estado de auto-agressividade e que passou 21 anos internada no hospital público cearense de referência em saúde mental onde, na grande maioria das vezes, esteve sob contenção como uma maneira de preservação de sua integridade física. Este sujeito deu, postumamente, nome ao primeiro CAPS infantil do estado do Ceará, que atende ao público infanto-juvenil de 67 bairros do município de Fortaleza. Para tanto, foi feito um levantamento documental de todos os prontuários do sujeito pesquisado, no período correspondente entre dezembro de 2009 e maio de 2010. Os resultados mostram relatos colhidos dos prontuários que apontam para comportamentos característicos de autismo, assim como episódios de agressividade, inquietação, tentativas de sociabilização pela equipe multidisciplinar, condutas terapêuticas adotadas e limitações sofridas por parte da equipe diante do comprometimento global do sujeito.

Palavras-chave


Criança, Autismo, Hospitalização, Psicanálise, Teoria Winnicottiana.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Subjetividades, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2359-0777

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia