Cidadania e direitos humanos no estado social e no constitucionalismo democrático. Doi: 10.5020/2317-2150.2010.v15n2p442

Inês Cabral Ururahy de Souza

Resumo


As democracias contemporâneas vivem impasses peculiares ao atual cenário histórico, quando novas questões se apresentam no campo dos direitos, apontando para questões que até bem pouco tempo encontravam-se distantes da esfera jurídica. A intenção voltada para a discussão dos direitos fundamentais sob a ótica do Estado Social é um dos temas que emergem da necessidade do estabelecimento de parâmetros conceituais às questões que se colocam, nesse instante, no debate sobre constitucionalismo democrático. A liberdade que o Estado Social busca é a da legitimidade das garantias sociais e processuais, de um constitucionalismo que efetivamente abrace a democracia, propiciando que os cidadãos participem e promovam mudanças no próprio sistema político em vigor.

Palavras-chave


Estado social. Democracia. Constitucionalismo. Direitos humanos. Cidadania.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/23172150.2012.442-456

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Pensar: Rev. Pen., Fortaleza, CE, Brasil. e-ISSN: 2317-2150 Licença Creative Commons
Este trabalho foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 3.0 Não Adaptada.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia