A ostensão penal: notas críticas sobre a vertigem da punição. Doi: 10.5020/2317-2150.2014.v19n2p321

Augusto Jobim do Amaral

Resumo


Neste artigo, examina-se o esplendor da cultura punitiva contemporânea, em especial, analisam-se as demandas punitivas e a formação disponível na sua profunda aclamação populista. Por fim, após apresentar a impotência coletiva em tornar os direitos humanos uma medida de ação política concreta para além da estéril aposta penal, percorre-se os influxos criminalizadores derivados de sua suposta proteção, delineando, na atual vontade de punir, a radical vertigem da ostensão penal.

Palavras-chave


Ostensão penal. Populismo punitivo. Política criminal.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5020/23172150.2012.321-338

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Pensar: Rev. Pen., Fortaleza, CE, Brasil. e-ISSN: 2317-2150 Licença Creative Commons
Este trabalho foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 3.0 Não Adaptada.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia