Efeitos climáticos do metano na atmosfera.

Cícero Fernandes A. Vieira, Lutero C. de Lima, Mariane Mendes Coutinho, Francisco Sales A. Cavalcante

Resumo


Uma visão dos efeitos e concentrações do gás metano na atmosfera é apresentada neste estudo, focando-se nas suas fontes e sumidouros e nos seus impactos diretos e indiretos sobre o clima. O metano é um importante gás de efeito estufa e sua concentração na atmosfera tem aumentado devido à ação de fontes antropogênicas desde a era pré-industrial. A adição de metano na atmosfera é mais
efetiva para o efeito estufa do que a adição de uma mesma quantidade em massa ou número de moléculas de dióxido de carbono. O metano tem um impacto significativo sobre os níveis de outros componentes atmosféricos, como o ozônio, o vapor de água e o radical hidroxila, sendo a reação com este último o principal mecanismo de remoção do metano da atmosfera. O balanço entre as fontes e sumidouros e as interações do metano com outros gases na atmosfera são fundamentais na determinação do efeito radiativo total do metano.

Palavras-chave


Metano. Efeito estufa. Química da atmosfera. Mudanças globais.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Tecnologia, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0730

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia