Controladores GPC e PID aplicados em uma pequena unidade.

Daniel Thomazini, Maria Virginia Gelfuso, Francisco Teixeira Neto, Eber de Castro Diniz

Resumo


Neste trabalho é proposto o Controle Preditivo Generalizado (GPC) com três passos a frente e outro Proporcional Integrativo Derivativo (PID) para uma planta pequena, utilizando um algoritmo de mínimos quadrados estendido para a identificação da planta. Como resultado obteve-se uma
solução de baixo custo e fácil implementação para fornos elétricos, de potência de 2500W. Ambas as aplicações dos controles tiveram uma variação de 0,2% sobre o setpoint em regime permanente, o que pode ser totalmente aceitável, pois uma variação como essa em tratamentos térmicos pode
produzir resultados confiáveis. Além disso, esse erro é muito menor quando comparado com um processo manual onde se pode obter erros na ordem de 20 até 30%. O controlador GPC apresentou uma convergência para o setpoint em menor tempo quando comparado com o controlador PID, pois
isso ocorreu em 1740 e 8230s, respectivamente.

Palavras-chave


GPC. PID. Algoritmo mínimos - quadrados estendido.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Tecnologia, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0730

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia