Análise da correlação entre resistência à compressão axial e à tração na flexão em pavimentos rígidos

Luciana Rabelo de Brito, Antônia Fabiana Marques Almeida, Francisco Heber Lacerda de Oliveira

Resumo


O concreto de cimento Portland é um material compósito que tem como principal característica para estruturas a resistência mecânica à compressão. Porém, quando se trata de pavimento rígido de concreto simples, outra propriedade mecânica que assume destaque é a resistência à tração na flexão. Essa propriedade é uma forma indireta de obter a tração direta, pois o seu ensaio não é muito empregado devido ao dispositivo que prende o corpo de prova ao equipamento inserir cargas que afetam no resultado obtido. Essa obtenção indireta é normalizada e considera que a tração direta equivale a 70% do valor obtido da tração na flexão. Como ensaios de resistência à compressão são mais realizados, a mesma norma prevê a possibilidade de obter o valor da tração direta através do fck. Como o concreto é influenciado por vários fatores externos e internos, que muitas vezes não há como mensurar, tem-se a premissa que esta equação não é válida para todos os conjuntos de dados. Nesse sentido, este trabalhou buscou, com um conjunto de dados obtidos do controle tecnológico da execução de placas de concreto simples do Quarto Anel Rodoviário em Fortaleza, avaliar a correlação existente entre esses parâmetros. Os resultados analisados encontraram uma equação que difere da prevista em norma. Contudo, os erros calculados com a aplicação das duas equações são próximos, fazendo com que a equação ora existente possa ser aplicada.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5020/23180730.2019.9812

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Tecnologia, Fortaleza - Ceará- Brasil – E-ISSN: 2318-0730

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia